Manaus,_AM,_Brasil

Rede Brasil Aluguel de Veículos está de olho em Manaus para a abertura de franquias!

Cidade ocupa o 11º lugar no ranking das cidades mais promissoras para instalar uma franquia no país

 A REDE BRASIL ALUGUEL DE VEÍCULOS, que em 2014 está completando 20 anos de fundação – está preparando sua chegada a Manaus e já iniciou a seleção de candidatos a franqueados na cidade. A escolha pela cidade faz parte do plano de expansão da empresa, que selecionou diversas localidades com potencial para o mercado de locação de automóveis e também pelo fato de Manaus ocupar o 11º lugar no ranking nacional das cidades mais promissoras para abrir uma franquia, segundo recente estudo da Rizzo Franchise – empresa de consultoria e pesquisas sobre o Franchising em toda a América Latina. Os resultados da pesquisa apontam, ainda, que o setor Automotivo está entre os 5 melhores para investir na cidade de Manaus.

 A Rede Brasil Aluguel de Veículos chegará a Manaus com diferenciais competitivos inéditos no mercado de locação de carros. Nenhum cliente precisa ir até uma loja da rede para alugar um carro e muito menos para devolvê-lo. É a única rede de franquias que leva o automóvel onde o cliente está e depois vai buscá-lo onde for mais cômodo para ele. Também  que não exige pontos comerciais com pátios de estacionamento para guardar os carros. As lojas são apenas pontos de venda e os automóveis, quando não estão na rua, são levados a estacionamentos próximos. Também é a única que realiza coleta e entrega de materiais, para que clientes que desejam enviar encomendas possam utilizar também à locadora como alternativa a táxis e transportadoras, com muito mais segurança.

Segundo Paulo Nemer, presidente da franqueadora, cuja sede está localizada no Espírito Santo, os diferenciais foram criados para oferecer um serviço com muito mais qualidade e conveniência para os clientes na locação de automóveis. “Para os franqueados, também quisemos oferecer vantagens que o mercado em geral não oferece. Como nossas lojas possuem apenas padronização visual e não há a necessidade de um grande espaço para guardar os carros, os pontos comerciais são menores e, consequentemente, o investimento é bem inferior”, comenta ele.

 Para iniciar o negócio como franqueado, numa cidade de até 250 mil habitantes por exemplo, são necessários apenas 10 veículos e um ponto comercial a partir de 30m². O investimento total neste caso é de R$ 350 mil, já contando com a Taxa de Franquia e os automóveis, que são comprados pelos franqueados com descontos que variam entre 12 e 22%.

REDE BRASIL – FICHA TÉCNICA

Investimento total: de R$ 350 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 3,5 milhões (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de franquia: de R$ 25 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 90 mil (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de Royalties: valor fixo mensal, que varia de R$ 550,00 (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 2.500,00 (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de Propaganda: valor fixo mensal, 10% sobre os royalties.

Faturamento médio mensal (1º ano de funcionamento): de R$ 45 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 405 mil (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Capital de Giro: a partir de R$ 15 mil

Prazo de retorno do investimento: a partir de 24 meses

Número de funcionários: de 3 (cidades com até 250 mil habitantes) a 10 (em cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Prazo de Contrato: 5 anos

multas aumentam

Rede Brasil Aluguel de Veículos está de olho em Brasília para a abertura de franquias!

Cidade ocupa o 3º lugar no ranking das cidades mais promissoras para instalar uma franquia no país

REDE BRASIL ALUGUEL DE VEÍCULOS, que em 2014 está completando 20 anos de fundação, está preparando sua chegada a Brasília e já iniciou a seleção de candidatos a franqueados na cidade. A escolha pela cidade faz parte do plano de expansão da empresa, que selecionou diversas localidades com potencial para o mercado de locação de automóveis e também pelo fato de Brasília ocupar o 11º lugar no ranking nacional das cidades mais promissoras para abrir uma franquia, segundo recente estudo da Rizzo Franchise – empresa de consultoria e pesquisas sobre o Franchising em toda a América Latina. Os resultados da pesquisa apontam, ainda, que os setores de Hotelaria & Turismo e Automotivo estão entre os 5 melhores para investir na cidade de Brasília.

 A empresa chegará a Brasília com diferenciais competitivos inéditos no mercado de locação de carros. Nenhum cliente precisa ir até uma loja da rede para alugar um carro e muito menos para devolvê-lo. É a única rede de franquias que leva o automóvel onde o cliente está e depois vai buscá-lo onde for mais cômodo para ele. Também  não exige pontos comerciais com pátios de estacionamento para guardar os carros. As lojas são apenas pontos de venda e os automóveis, quando não estão na rua, são levados a estacionamentos próximos. Também é a única que realiza coleta e entrega de materiais, para que clientes que desejam enviar encomendas possam utilizar também à locadora como alternativa a táxis e transportadoras, com muito mais segurança.

Segundo Paulo Nemer, presidente da franqueadora, cuja sede está localizada no Espírito Santo, os diferenciais foram criados para oferecer um serviço com muito mais qualidade e conveniência para os clientes na locação de automóveis. “Para os franqueados, também quisemos oferecer vantagens que o mercado em geral não oferece. Como nossas lojas possuem apenas padronização visual e não há a necessidade de um grande espaço para guardar os carros, os pontos comerciais são menores e, consequentemente, o investimento é bem inferior”, comenta ele.

Para iniciar o negócio como franqueado, numa cidade de até 250 mil habitantes por exemplo, são necessários apenas 10 veículos e um ponto comercial a partir de 30m². O investimento total neste caso é de R$ 350 mil, já contando com a Taxa de Franquia e os automóveis, que são comprados pelos franqueados com descontos que variam entre 12 e 22%.

REDE BRASIL – FICHA TÉCNICA

Investimento total: de R$ 350 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 3,5 milhões (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de franquia: de R$ 25 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 90 mil (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de Royalties: valor fixo mensal, que varia de R$ 550,00 (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 2.500,00 (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de Propaganda: valor fixo mensal, 10% sobre os royalties.

Faturamento médio mensal (1º ano de funcionamento): de R$ 45 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 405 mil (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Capital de Giro: a partir de R$ 15 mil

Prazo de retorno do investimento: a partir de 24 meses

Número de funcionários: de 3 (cidades com até 250 mil habitantes) a 10 (em cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Prazo de Contrato: 5 anos

 

 

 

 

 

aluguel de carros em cuiaba

Rede Brasil Aluguel de Veículos chega a Cuiabá/MT

 Empresário está otimista com a chegada da Copa do Mundo!

Nova locadora de automóveis vai oferecer diferenciais aos clientes que não são encontrados em nenhuma outra da cidade

O empresário Amadeu Oliveira da Silva tem 55 anos e sempre quis investir no mercado de locação de automóveis. Com vasta carreira na área comercial em Cuiabá, o empreendedor buscava, porém, uma empresa que pudesse oferecer algo a mais do que o mercado local já oferecia. No início deste ano, conheceu a Rede Brasil – rede de franquias de aluguel de veículos, que já possui 18 unidades espalhadas por diversas cidades brasileiras e neste mês de maio inaugura sua franquia no bairro Bosque da Saúde, em Cuiabá.

“Desde o começo, o suporte que foi apresentado e prestado pela Rede Brasil não se equipara a outras redes de locadoras. Eles passam a segurança de uma marca forte e bem constituída. Um negócio sólido e é isso que eu buscava nesse meu novo empreendimento”, declara Amadeu, que está bastante otimista com o aquecimento do mercado de Turismo em Cuiabá, que será uma das cidades sede da Copa do Mundo.

A Rede Brasil também vai oferecer uma série de diferenciais aos clientes de Cuiabá e região. É a única locadora que leva o automóvel onde o cliente está e depois vai buscá-lo onde for mais cômodo para ele, além de realizar coletas e entregas de encomendas, tornando-se uma alternativa a táxis e transportadoras, com muito mais agilidade e segurança para os clientes. Outros serviços exclusivos são: atendimento a eventos, passeios e city tour e diárias com motoristas, inclusive bilíngues.

ALUGUEL-DE-CARROS

Período Pré Copa do Mundo faz algumas empresas faturarem mais do que durante o próprio evento

Período onde os preparativos finais movimentam as cidades-sede dos jogos no Brasil incrementam os lucros de empresas que oferecem produtos e serviços para turistas

Enquanto muitas empresas ligadas ao setor de Turismo estão aguardando o início da Copa para engordarem o faturamento, algumas já começam a aquecer as vendas no período chamado de pré-copa, que tem início aproximadamente 2 meses antes do evento e atingem o seu ápice conforme vai chegando a data de abertura. São empresas que fornecem produtos e serviços durante os últimos preparativos, quando aumenta a correria para deixar tudo em ordem nas cidades-sede dos jogos.

Uma das empresas que esperam um crescimento de até 30% nas vendas neste período é a Rede Brasil Aluguel de Veículos – rede de franquias, que possui 17 unidades em operação e mais 4 em processo de abertura até o mês de junho, que já está sentindo os efeitos positivos nas vendas. “Nosso mercado fica aquecido justamente durante os preparativos para a Copa do Mundo, quando há grande movimentação de empresas e pessoas em obras de construção e urbanização, organização de acessos e infra-estrutura e tudo o que envolve a mobilização de serviços para receber um evento de grande porte como este”, explica Paulo Nemer, proprietário da rede. Segundo o empresário, o mesmo deverá acontecer em 2016, quando o Brasil sediará as Olimpíadas.

Mesmo com o otimismo do aumento nas vendas o empresário não realizou grandes investimentos para aguardar a Copa do Mundo. “O mercado estará aquecido, mas fazer altos investimentos neste momento é imprudente, já que o evento tem curta duração”, comenta Nemer, referindo-se a uma possível compra de automóveis para incrementar a frota da rede.

rede-brasil

Como montar um novo negócio que já tem grande concorrência no mercado

Empresário criou rede de aluguel de carros com diferenciais que nenhuma outra tinha no Brasil

Paulo Nemer precisou de criatividade e coragem para montar uma locadora de automóveis que hoje já possui 20 franquias em 10 Estados brasileiros. Ex-franqueado de uma grande rede internacional de locação de automóveis, ele queria começar do zero no mesmo mercado de atuação, mas sabia que os desafios eram grandes, já que as redes existentes disputavam clientes oferecendo praticamente os mesmos serviços e preços que mantinham uma média de preços equivalente. Para driblar a concorrência e não ser simplesmente mais uma locadora de veículos, Nemer teve que criar diferenciais inéditos para a Rede Brasil, cuja sede está localizada em Serra, no Espírito Santo.

Para começar, o empresário começou a desvendar o que os clientes mais queriam de uma locadora e percebeu que uma grande lacuna existente nesse mercado era ir onde o cliente estava, ao invés de somente recebê-lo na loja para a retirada e devolução do automóvel alugado. “A Rede Brasil é hoje a única locadora que leva o automóvel onde o cliente está e depois vai buscá-lo onde for mais cômodo para ele. Isso fez com que muitos clientes que não tinham tempo ou disponibilidade para procurar endereços e ir até as lojas existentes, se tornassem rapidamente clientes fiéis nossos”, explica.

Para complementar o leque de serviços inéditos aos clientes, a Rede Brasil também implantou opções de coletas e entregas de encomendas, para que a locadora de automóveis fosse também uma alternativa a táxis e transportadoras, com muito mais agilidade e segurança para os clientes. Outros serviços exclusivos são: atendimento a eventos, passeios e city tour e diárias com motoristas, inclusive bilíngues. “O que gera fluxo de caixa numa locadora de veículos é o automóvel na rua, então, resolvi criar serviços para que o carro esteja sempre circulando e gerando faturamento, além de atender a diferentes necessidades dos clientes, o que não é comum neste mercado”, conta Nemer.

Quando a rede iniciou a expansão por franquias, Paulo Nemer também quis implementar diferenciais competitivos para os investidores. A Rede Brasil é a única franquia de aluguel de veículos que não possui pátio para guardar os carros, diminuindo, assim, os custos com o ponto comercial. “É possível abrir uma franquia da Rede Brasil num imóvel a partir de 30 m², já que o nosso foco é manter sempre os carros circulando. Caso eles estejam temporariamente parados, os franqueados fazem acordos com estacionamentos próximos para guardar os automóveis”, completa Paulo.

Com todos esses diferenciais diante da concorrência, a REDE BRASIL, que está completando 20 anos de fundação, tem a meta de abrir 8 lojas em 2014, em diversas cidades brasileiras. Para iniciar o negócio como franqueado, numa cidade de até 250 mil habitantes por exemplo, são necessários apenas 10 veículos e um ponto comercial a partir de 30m². O investimento total neste caso é de R$ 350 mil, já contando com a Taxa de Franquia e os automóveis, que são comprados pelos franqueados, com descontos que variam entre 12 e 22%.

alugar-carro-sao-mateus

Lavador de carro conquista negócio próprio e hoje fatura R$ 102 mil por mês

Com a ajuda inicial do proprietário da rede de aluguel de automóveis onde trabalhava, ele hoje tem uma franquia e 50 carros como patrimônio 

Geraldo Cordeiro dos Santos, 45 anos, começou a trabalhar na Rede Brasil – rede de franquias de aluguel de veículos de Vitória/ES quanto tinha apenas 25 anos. Sua função era lavar os carros sempre que eram devolvidos pelos clientes e deixá-los pronto para a próxima locação. Depois de 6 anos de trabalho, conseguiu comprar seu primeiro carro com a ajuda do franqueador da rede, Paulo Nemer, que também permitiu que Geraldo alugasse o próprio veículo para clientes de um hotel próximo.

Dois anos depois, Geraldo comprou seu segundo carro e não parou mais. Em 3 anos já possuía 6 automóveis e abriu seu próprio negócio. Hoje, ele opera a franquia de São Mateus, cidade do Espírito Santo que é divisa da Bahia e sua frota já conta com 50 veículos. “Tive a sorte de ter a ajuda de meu patrão na época, que acreditou em meu potencial como empreendedor. É difícil abrir um negócio onde você precisa comprar automóveis, mas não consegue crédito junto aos bancos porque não possui outros bens. O meu franqueador foi meu avalista e hoje meu negócio fatura R$ 102 mil por mês”, explica Geraldo.

A franquia de Geraldo Cordeiro dos Santos foi a primeira locadora de automóveis de São Matheus. Hoje, quase todas as redes operam na cidade, mas Geraldo se sente feliz por ser o pioneiro. “Quem abriu este mercado fui eu e hoje meu filho trabalha comigo para termos sucesso juntos”, completa ele.

Paulo Nemer, proprietário da rede, se sente orgulhoso de Geraldo. “Quando criei a franquia, sempre pensei em poder ajudar empreendedores potenciais e até hoje buscamos sempre ajudar os franqueados no início do negócio”, conta.

A Rede Brasil tem 20 anos de existência e hoje está presente em 10 Estados brasileiros com 20 franquias. A meta da empresa para 2014 é a abertura de mais 8 lojas em diversas cidades a partir de 250 mil habitantes. Além das cidades menores, a Rede Brasil está de olho nas capitais que sediarão a Copa do Mundo, como é o caso de São Paulo, quando o mercado de locação de automóveis deve faturar 30% a mais.

REDE BRASIL – FICHA TÉCNICA

Investimento total: de R$ 350 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 3,5 milhões (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de franquia: de R$ 25 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 90 mil (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de Royalties: valor fixo mensal, que varia de R$ 550,00 (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 2.500,00 (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de Propaganda: valor fixo mensal, 10% sobre os royalties.

Faturamento médio mensal (1º ano de funcionamento): de R$ 45 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 405 mil (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Capital de Giro: a partir de R$ 15 mil

Prazo de retorno do investimento: a partir de 24 meses

Número de funcionários: de 3 (cidades com até 250 mil habitantes) a 10 (em cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Prazo de Contrato: 5 anos

Nova imagem

DE FRANQUEADO A FRANQUEADOR:

Proprietário da franquia REDE BRASIL de aluguel de veículos desiste de ser franqueado e cria rede concorrente, que já conta com 20 unidades

 

Ele quis fazer tudo diferente e criar o que nenhuma outra locadora de veículos possuía no mercado. Paulo Nemer, proprietário da Rede Brasil – rede de franquias de aluguel de veículos, de Vitória/ES, iniciou sua carreira como gerente de uma locadora de sua cidade, onde permaneceu por 10 anos. Depois de juntar capital para abrir seu próprio negócio, resolveu, juntamente com outros 2 sócios, investir numa franquia de uma grande rede internacional de aluguel de Veículos – a Avis Rent a Car, mas Paulo queria oferecer alguns diferenciais ao mercado e tinha ideias para implantar serviços inéditos em seu negócio – o que não é permitido em praticamente nenhuma franquia, já que os franqueados precisam seguir rigorosamente os padrões da franqueadora. Foi aí então, que Paulo resolveu mudar de lado e ser um franqueador, após 4 anos como franqueado.

Hoje, 10 anos depois e 20 unidades abertas, Paulo Nemer considera a sua rede de franquias a mais inédita em seu mercado. É a única que leva o automóvel onde o cliente está e depois vai buscá-lo onde for mais cômodo para ele, ou seja, a única onde o check-in e o check-out  não precisam ser feitos na loja. Também é a única que não exige pontos comerciais com pátios de estacionamento para guardar os carros. As lojas são apenas pontos de venda e os automóveis, quando não estão na rua, são levados a estacionamentos próximos. Também é a única que realiza coleta e entrega de materiais, para que clientes que desejam enviar encomendas possam utilizar também à locadora como alternativa a táxis e transportadoras, com muito mais segurança.

Com todos esses diferenciais diante da concorrência, a REDE BRASIL tem a meta de abrir 8 lojas em 2014, em diversas cidades brasileiras. Segundo Nemer, os diferenciais foram criados para oferecer um serviço com muito mais qualidade e conveniência para os clientes na locação de automóveis. “Para os franqueados, também quisemos oferecer vantagens que o mercado em geral não oferece. Como nossas lojas possuem apenas padronização visual e não há a necessidade de um grande espaço para guardar os carros, os pontos comerciais são menores e, consequentemente, o investimento é bem inferior”, comenta ele.

Para iniciar o negócio como franqueado, numa cidade de até 250 mil habitantes por exemplo, são necessários apenas 10 veículos e um ponto comercial a partir de 30m². O investimento total neste caso é de R$ 350 mil, já contando com a Taxa de Franquia e os automóveis, que são comprados pelos franqueados com descontos que variam entre 12 e 22%.

O alvo de expansão da empresa para 2014, além de cidades pequenas, que exigem investimentos inferiores, são capitais que sediarão a Copa do Mundo, como é o caso de São Paulo. Com 20 unidades espalhadas por diversos municípios, a REDE BRASIL é uma oportunidade para ganhar dinheiro sempre que o mercado do Turismo fica aquecido.          Hoje, a rede está presente em 10 Estados Brasileiros e o faturamento de uma loja, com aproximadamente 50 veículos, é de R$ 65 mil.

 

REDE BRASIL – FICHA TÉCNICA

Investimento total: de R$ 350 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 3,5 milhões (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de franquia: de R$ 25 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 90 mil (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de Royalties: valor fixo mensal, que varia de R$ 550,00 (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 2.500,00 (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Taxa de Propaganda: valor fixo mensal, 10% sobre os royalties.

Faturamento médio mensal (1º ano de funcionamento): de R$ 45 mil (cidades com até 250 mil habitantes) a R$ 405 mil (para cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Capital de Giro: a partir de R$ 15 mil

Prazo de retorno do investimento: a partir de 24 meses

Número de funcionários: de 3 (cidades com até 250 mil habitantes) a 10 (em cidades acima de 1 milhão de habitantes)

Prazo de Contrato: 5 anos

viajando-com-economia

REDE BRASIL: Única franquia de aluguel de veículos que leva e busca os carros onde estão os cliente, expande em todo país

Rede de franquias capixaba não exige pátio nas lojas e ponto comercial pode ser alugado a partir de 30m².

Nenhum cliente precisa ir até uma unidade da REDE BRASIL para alugar um carro e muito menos para devolvê-lo.

É a única rede de franquias que leva o automóvel onde o cliente está e depois vai buscá-lo onde for mais cômodo para ele.

Também é a única que não exige pontos comerciais com pátios de estacionamento para guardar os carros.

As lojas são apenas pontos de venda e os automóveis, quando não estão na rua, são levados a estacionamentos próximos. Também é a única que realiza coleta e entrega de materiais, para que clientes que desejam enviar encomendas possam utilizar também à locadora como alternativa a táxis e transportadoras, com muito mais segurança.

Com todos esses diferenciais diante da concorrência, a REDE BRASIL, que está completando 20 anos de fundação, tem a meta de abrir 10 lojas em 2014, em diversas cidades brasileiras. Segundo Paulo Nemer, presidente da franqueadora, cuja sede está localizada no Espírito Santo, os diferenciais foram criados para oferecer um serviço com muito mais qualidade e conveniência para os clientes na locação de automóveis. “Para os franqueados, também quisemos oferecer vantagens que o mercado em geral não oferece. Como nossas lojas possuem apenas padronização visual e não há a necessidade de um grande espaço para guardar os carros, os pontos comerciais são menores e, consequentemente, o investimento é bem inferior”, comenta ele.

Para iniciar o negócio como franqueado, numa cidade de até 250 mil habitantes por exemplo, são necessários apenas 10 veículos e um ponto comercial a partir de 30m². O investimento total neste caso é de R$ 350 mil, já contando com a Taxa de Franquia e os automóveis, que são comprados pelos franqueados com descontos que variam entre 12 e 22%.

O alvo de expansão da empresa para 2014, além de cidades pequenas, que exigem investimentos inferiores, são capitais que sediarão a Copa do Mundo, como é o caso de São Paulo. Com 20 unidades espalhadas por diversos municípios, a REDE BRASIL é uma oportunidade para ganhar dinheiro sempre que o mercado do Turismo fica aquecido.

A REDE BRASIL foi criada por 3 empresários que vieram do mercado de locação de automóveis de 3 diferentes Estados Brasileiros: Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo. O objetivo do lançamento da nova empresa era justamente oferecer ao mercado o que não havia em outras locadoras, tanto para clientes, como para franqueados. Hoje, a rede está presente em 10 Estados Brasileiros e o faturamento de uma loja, com aproximadamente 50 veículos, é de R$ 65 mil, com uma lucratividade de 3,15*% para o franqueado.